Tamboré

Tamboré

Elaborado para um casal jovem e sua filha, este projeto em uma famosa região de condomínios fechados nos arredores de São Paulo enfrentou alguns desafios em sua concepção. O terreno pequeno, com aproximadamente 420m² em declive acentuado, se mostrou ainda mais desafiador com os recuos obrigatórios. O programa completo pedia 4 suítes, já se preparando para um aumento na família, além de área para churrasqueira e piscina. Outra questão era a vontade de se criar um jardim acessível, o que seria pouco provável devido ao desnível. Dessa forma, optamos por realizar um aterro, transformando a relação entre interior e exterior menos contemplativa e mais participativa o que acabou privilegiando a bela vista dos arredores do condomínio.

Logo na fachada se observa um grande painel ripado ocupando toda a parede de fundos da garagem. São três os acessos a casa, mas o principal se dá por uma charmosa escada em placas de piso fulget em meio a um jardim e que leva a um portão pivotante integrado a este painel que, aos olhares menos atentos, passa despercebido. A entrada é marcada por um pergolado em madeira, como o restante da estrutura, protegido por placas de vidro. Um jardim linear próximo ao limite esquerdo do terreno completa a recepção ao convidado. Outra porta, também integrada ao painel, faz uma ligação direta entre a garagem e a sala de estar. A entrada de serviços é feita independente e discreta, pela lateral direita da edificação.

Ao passar pelo portão principal, o que se revela é uma profusão de espaços sociais e varanda, tal é a integração entre o living, jantar e cozinha. Ao fundo o acesso a piscina se dá por uma varanda gourmet. O exterior se funde ao interior através de grandes portas de vidro que vão do piso ao teto, transformando o cenário em parte integrante da arquitetura. No térreo, ainda temos a área de serviços, depósito, lavabo e uma brinquedoteca, únicos ambientes fechados, todos estes distribuídos em cerca de 170m²

A estrutura em madeira laminada dá o tom mais aconchegante aos ambientes, além de ter sido essencial para o menor tempo de construção. Toda a estrutura foi montada em aproximadamente 3 semanas. Junta-se a estrutura elementos como grandes panos de vidro e paredes internas em gesso acartonado, otimizando todo o processo construtivo e dando muito mais agilidade a obra.

A escada também em madeira, dá acesso ao pavimento superior. Logo na chegada uma surpresa, a cobertura do volume de serviços, destacado do corpo principal da casa, foi transformada em jardim, e pode ser visualizado através de duas longas janelas horizontais que acompanham toda a extensão da circulação dos quartos. Neste pavimento, 4 suites se distribuem em aproximadamente 125m². O piso em taco palito se harmoniza perfeitamente com a estrutura em madeira laminada, assim como o mobiliário projetado para a casa, com linhas retas e desenho simples e elegante. Grandes aberturas envidraçadas nos quartos emolduram a natureza do entorno e generosos beirais protegem a casa de sol e chuva arrematando elegantemente a casa.